Espiritismo Educação Recursos Ajuda Serviços
Estudos
Salas de Estudo      O Livro dos Espíritos      O Evangelho      A Gênese
O Livro dos Médiuns      Série André Luiz      Educar      Família      
Home > O Livro dos Espíritos
Inteligência e instinto (Estudo 21 de 193)

       

LE021-Estudo Sintetico do Livro dos Espiritos
LIVRO DOS ESPIRITOS- Allan Kardec. Do Principio Vital. Parte Primeira, Capitulo IV, perguntas 71 a 75.
Tema: Inteligencia e instinto.

A inteligencia e instinto

"A inteligencia nao e' atributo do principio vital, pois que as plantas vivem e nao pensam; so´ tem vida organica. A inteligencia e a materia sao independentes. Mas, a inteligencia so´ por meio dos orgaos materiais pode manifestar-se. Necessario e' que o Espirito se una 'a materia animalizada para intelectualiza-la."
"A fonte da inteligencia e' a inteligencia universal."
"O instinto nao independe, precisamente, da inteligencia. E' uma especie de inteligencia. E' uma inteligencia sem raciocinio. Por ele e' que todos os instinto seres provem as suas necessidades."
"O instinto e a inteligencia muitas vezes se confundem. Mas muito bem se podem distinguir os atos que decorrem do instinto dos que sao da inteligencia."
" O instinto existe sempre, mas o homem o despreza. O instinto tambem pode conduzir ao bem. Ele quase sempre nos guia e algumas vezes com mais seguranca do que a razao. Nunca se transvia. O instinto nao raciocina; a razao permite a escolha e da' ao homem o livre-arbitrio."

1 - Qual a diferenca entre instinto e inteligencia ?

2 - Porque o instinto pode nos conduzir ao bem ?

3 - Como distinguir os atos provenientes do instindo e os provenientes da inteligencia ?
  Conclusão deste estudo 
1998-2015 | CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo