Espiritismo Educação Recursos Ajuda Serviços
Estudos
Salas de Estudo      O Livro dos Espíritos      O Evangelho      A Gênese
O Livro dos Médiuns      Série André Luiz      Educar      Família      
Home > O Livro dos Espíritos
Relações de Simpatia e Antipatia entre os Espíritos (Estudo 50 de 193)

       

LE050-Estudo Sintetico do Livro dos Espiritos
LIVRO DOS ESPIRITOS- Allan Kardec. Da Vida Espirita. Parte Segunda. Capitulo VI. Perguntas 291 a 303.
Tema: Relacoes de simpatia e de antipatia entre os Espiritos. Metades eternas.

a) "Alem da simpatia geral oriunda da semelhanca que exista, entre os Espiritos, eles votam reciprocamente afeicoes particulares do mesmo modo que os homens sendo, porem, que mais forte e' o laco que prende uns aos outros, porque esse laco nao se acha exposto 'as vicissitudes das paixoes.

b) "Dois seres que foram inimigos na Terra poderao nao sentir ressentimentos, no mundo dos Espiritos, se foi unicamente um interesse material o que os inimizou. Nisso nao pensarao mais, por pouco desmaterializados que estejam. Nao havendo entre eles antipatia e tendo deixado de existir a causa de suas desavencas".

c) "A lembranca dos atos maus que dois homens praticaram um contra o outro consitui obstaculo a que entre eles reine simpatia, pois, essa lembranca, os induz a se afastarem um do outro."

d) "O sentimento que anima, depois da morte, aqueles que sofreram ofensa na Terra, se sao bons perdoam, conforme o arrependimento do ofensor; se sao maus e' possivel que guardem ressentimento do mal que receberam."

e) "Nao sao suscetiveis de alterar-se as afeicoes individuais dos Espiritos por estarem eles sujeitos a se enganar. Falta-lhes a mascara sob que se escondem os hipocritas."

f) "A afeicao mutua que dois seres se consagram na Terra, continua a existir sempre no mundo dos Espiritos, desde que originada de verdadeira simpatia. Se, porem, nasceu principalmente de causas de ordem fisica, desaparecem com as causas."

g) "Nao ha' a chamada "metade eterna", ou seja, uniao particular e fatal de duas almas. A uniao que ha' e' a de todos os Espiritos, mas em graus diversos, segundo a perfeicao que tenham adquirido. Quanto mais perfeitos tanto mais unidos."

h)"Os Espiritos que atingiram a perfeicao estao reciprocamente unidos. Nas esferas inferiores, o Espirito que se eleva, ja' nao simpatiza, como dantes, com os que lhes ficaram abaixo.

i) "A identidade necessaria 'a existencia da simpatia perfeita consiste na analogia dos pensamentos e sentimentos e, sobretudo, a igualdade dos graus de elevacao."

QUESTOES PARA ESTUDO E DIALOGO VIRTUAL:

1- Tem os espiritos afeicoes particulares tambem no mundo espiritual ?

2- Todos os espiritos que sao inimigos na vida carnal, levam este sentimento de inimizade para o mundo espiritual ?

3- As afeicoes que temos na terra, enquanto encarnados, as levamos para o mundo espiritual ?

4- Existem as metades eternas ou almas gemeas ?

5- O que caracteriza a existencia de simpatia entre os espiritos superiores ?

  Conclusão deste estudo 
1998-2015 | CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo