Espiritismo Educação Recursos Ajuda Serviços
Estudos
Salas de Estudo      O Livro dos Espíritos      O Evangelho      A Gênese
O Livro dos Médiuns      Série André Luiz      Educar      Família      
Home > O Livro dos Espíritos
Esquecimento do passado (Estudo 65 de 193)

       

LE065-Estudo Sintetico do Livro dos Espiritos
LIVRO DOS ESPIRITOS- Allan Kardec. Da Volta do Espirito a
vida corporal. Parte Segunda. Capitulo VII. Perguntas 392 a
399.
Tema: Esquecimento do passado.

a) O homem perde a lembranca do passado pois nao deve saber
tudo. Sem o veu que lhe oculta certas coisas ficaria
ofuscado. Esquecido de seu passado e' mais senhor de si.

b) Em cada nova experiencia o homem dispoem de mais meios de
progredir, e seu merito ficaria comprometido se recordasse
de seu passado.

c) Ha mundos em que os habitantes guardam lembrancas claras
e exatas de suas vidas passadas, mas nem todos os mundos sao
assim. (ver comentario de Kardec)

d) Nem sempre podemos ter revelacoes de nossas vidas
passadas, embora alguns sabem o que foram e o que faziam

e) As vagas recordacoes de um passado desconhecido, algumas
vezes sao impressoes reais, mas frequentemente nao passam de
mera ilusao, contra quais o homem deve se precaver.

f) A medida que o corpo fisico se torna menos material com
mais exatidao se recorda o homem de seu passado.

g) De certa forma o estudo de nossas tendencias pode levar
ao homem o conhecimento da natureza das faltas que cometeu,
embora as resolucoes e melhoras que tenha tido na
erraticidade devam ser levadas em conta. (ver comentario de
Kardec à questao 399)

PERGUNTAS PARA ESTUDO E DEBATE VIRTUAL:

1 - Qual seria a utilidade de se lembrar de suas vidas
passadas ?

2 - Porque Deus nao faculta ao homem este conhecimento de
suas vidas passadas ?

3 - As nossas tendencias sempre revelam as naturezas de
nossas faltas nas vidas passadas ?

4 - Quando no processo reencarnatorio ocorre o esquecimento
do passado ?

5 - Algumas pessoas podem ter este passado revelado ? Como
entender a terapia de vidas passadas ?


Abracos,
Equipe LE





  Conclusão deste estudo 
1998-2015 | CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo