Espiritismo Educação Recursos Ajuda Serviços
Estudos
Salas de Estudo      O Livro dos Espíritos      O Evangelho      A Gênese
O Livro dos Médiuns      Série André Luiz      Educar      Família      
Home > O Livro dos Espíritos
Igualdade dos direitos do homem e da mulher (Estudo 141 de 193)

       

a) O homem e a mulher são iguais perante Deus, que outorgou a ambos a inteligência do bem e
do mal e a faculdade de progredir.

b) O predomínio que o homem exerce sobre a mulher em determinados povos é resultado das
instituições sociais e do abuso da força sobre a fraqueza, demonstrando serem esses povos pouco
adiantados moralmente.

c) A mulher é fisicamente mais fraca a fim de exercer determinadas funções especiais, cabendo ao
homem, mais forte, os trabalhos rudes. Ambos, porém, têm o dever de se ajudarem mutuamente
a suportarem as provas.

d) Deus deu ao homem e à mulher a organização compatível com as funções que cabem a cada um
desempenhar. Tendo dado à mulher menor força física, deu-lhe ao mesmo tempo maior sensibilidade
para o trato com a delicadeza das funções maternais e a fraqueza dos seres confiados aos seus
cuidados.

e) As funções que à mulher são destinadas pela Natureza têm até maior importância que as deferidas
ao homem, pois é ela quem dá aos homens as primeiras noções da vida.

f) A legislação humana, para ser perfeitamente justa, deve consagrar a igualdade dos direitos do homem
e da mulher. Todo privilégio a um ou a outro concedido é contrário à justiça. A emancipação da mulher
acompanha o progresso da civilização. Sua escravização marcha de par com a barbárie.

g) Os sexos só existem na organização física, visto que os espíritos podem encarnar num e noutro. Não
havendo, sob esse aspecto nenhuma diferença, devem, por conseguinte, gozar dos mesmos direitos.


QUESTÕES PARA ESTUDO E PARTICIPAÇÃO:

1 - Em que se fundamenta a igualdade de direitos entre o homem e a mulher?

2 - A que atribuir a discriminação para com a mulher, existente no seio de alguns povos?

3 - Segundo os Espíritos, como será alcançada a igualdade entre o homem e a mulher nos povos onde
ela ainda não existe?

  Conclusão deste estudo 
1998-2015 | CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo